quinta-feira, julho 10, 2008

Mamonas - Assassinas Musicais

Hoje a Rede Globo de televisão exibe um programa que presta uma homenagem aos Mamonas Assassinas. O Grupo ficou conhecido pela sua irreverência (que eu chamo de palhaçada), por ter transformado a cara da música brasileira (transformado em quê? Alguém pode me dizer?) e por ter vendido mais de 2,3 milhões de cópias (bem, a Fiorentina de Tiririca também vendeu milhões, o que prova que o povo compra qualquer coisa). Agora vou falar uma coisa que certamente irá fazer com que dezenas de pessoas me atirem pedras, digam que sou fria e que aqui dentro nem bate um coração. Mas a verdade é que, como todos eu também fiquei chocada com acidente e lamento profundamente a perda das vidas, já que eram rapazes jovens. Mas, musicalmente falando, não perdemos nada. Eles cantavam uma musiquinha que só não foi pixada e equiparada a eguinha pocotó porque eles morreram. Então, que façam uma homenagem aos jovens mortos, mas não me venham dizer que a música era boa. Porque não era mesmo. Na minha micha e insignificante opinião, talvez (eu disse talvez e não com certeza), a única coisa que salve seja um verso ou outro de Robocop Gay, que pelo menos diz que todo mundo é viado mas poucos assumem. E se alguém aí tiver uma opinião diferente da minha, por favor me diga o que há de bom no seguinte verso: Isto saiu do seu cú Ninguém mandou tu bufar Agora respira sozinha Ninguém mandou tu peidar ou Ó Manoel olha cá como eu estou Tu não imaginas como eu estou sofrendo Uma teta minha um negão 'arancou' E a outra que sobrou está doendo Pronto! Agora podem mandar as pedras e guardem as pragas para o próximo post tá?

91 comentários:

Camilinha disse...

Ah, xuxu... o melhor dos mamonas nem eram os mamonas em si, mas tal qual alguns personagens da época, e de tantas outras que nos fazem lembrar da época em si... aff.. entendeu?rs acho que eu compliquei um pouco... mas é isso aí...
rs

beijos daqui...

Larissa Santiago disse...

a irreverência está justamente em falar as merdas num momento em que não se esperavaa...
agora já tah "batidão" como diz minha mãe!

Iara Alencar disse...

Oi Cruela, rsrsrs calma moça.
A unica musica que eu lembro deles e a da brasilia amarela, mas fico me perguntando, num mundo de eguinhas pocoto, de dança do creu, segure o than, será que eles ainda fariam sucesso??

ps:
Quando teremos um visual novo pro Calcinhas?? rsrsrs

Silvia Cristina disse...

Mas tu é muito Cruela huahuahuahuha adorei !!!!apesar que adoro tudo o que é trash desde Sidney Magal ...não te conheço, mas leio sempre teu blog ,mas não tenho o costume de comentar !!!bjs
Ps:um pouco pior que essa tar de mulinha pocotó como diz minha vó, é vai!!!

Fernando Gomes disse...

Reconheço que eles eram irreverentes.. e também nao tenho medo de ser apedrejado quando digo que a melhor coisa que esses caras fizeram foi morrer.

Se ainda estivessem no mercado seriam tão ruins quanto as cópias que surgiram deles ao longo dos anos.

Era bom, mas não era música.
Pelo menos não pra mim.

Critique, comente, dê sugestões:
http://andisaidgoddamn.blogspot.com/

Euzer Lopes disse...

Uma das coisas que mais me chamou a atenção à época da morte do grupo todo, foi uma situação que muitos pais literalmente se meteram numa sinuca de bico: como explicar para seus filhos, muitos com menos de 10 anos de idade, que seus ídolos haviam falecido.
Como um pai explica ao filho o que é a morte?
Isso foi muito marcante. Famílias precisaram rever muitos conceitos.

Raphael Rickes disse...

Mamonas era muito tri!!! Com certeza vou ver. Sobre o te comentario, foi burrice mesmo. Escrevo por amor e não sou nenhum Machado de Assis.
\0/

Edu disse...

*pegando uma pedra no chão* hauhauhua

Brincadeira, mas discordo.
Em primeiro lugar, estamos falando de música. Funk não é música, não dá para comparar.

Quanto as letras, são letras bestas e esculachadas mesmo, mas algumas bem inteligentes.
A inglês aportuguesado: money que é goos nóis num have. Se nóis havasse, nóis não num tava aqui workando, nosso work é playar.
S-E-N-S-A-C-I-O-N-A-L

E deixando as letras de fora, o instrumental dos Mamonas era show de bola. O japonezinho tocava muito!!!

*"Não peide aqui, baby", eu não gosto muito não. Assim como "Pelados em Santos".

bjo!

;)

Edu disse...

Ahhh e na no momento que passou na TV a morte deles, eu estava brincando de... MAMONAS ASSASSINAS com os meus bonequinhos dos Cavaleiros do Zodíaco. Nada a ver né ahuahuah

LUCAS DE OLIVEIRA disse...

Recentemente postei sobre a vida dos Mamonas Assassinas no meu blog. Inclusive botei lá as músicas mais conhecidas do grupo.
Eles foram - na minha opinião -, o melhor grupo que cantou músicas um tanto... inconvenientes?!

ashuahsu

lembro-me da "Brasília Amarela", "Sabão Cra-crá" e do "Robcop-Gay"


Lembro-me também do dia em que morreram. O Brasil ficou chocado!
(Inclusive o veterano Gugu)

ahsuah

abçs


Lucas de Oliveira

Anjinha disse...

Ninguém me perguntou nada, mas já que eu estava por aqui...
Discordo do post.
Pq? Pq o que eles faziam era humor! E desde quando humor deve ser "politicamente correto" ou "passar uma mensagem".
Era um humor musicado (?).
Dentre a quantidade de besteiras que vejo ultimamente (vide zorra total, casseta e planeta, pânico na Tv, etc, etc, etc...)e que não me fazem esboçar nem uma sombra de riso... os mamonas eram sim muito engraçados!
De qualquer forma, acho que o sucesso deles não passaria do 1° "cd" (nem me lembro se existia Cd...).
Mas que foi válida a aparição repentina deles, foi sim... Na nossa MPB não perdemos nada, mas talvez na "palhaçada", como foi dito, perdemos muito.
E nem só de MPB vive o homem... =P
Bjoksss

Gu do Angu disse...

E eu, esperando os pés da Bia...

Cruela disse...

Gu?

era pra ser, mas a Persona viajou e ela quer participar do post. Sabe cumé? ela tem esperança de que a bichinha vem embora pra cá... então quer agradar.

Capreta disse...

Concordo com você! De merda ja basta a dança do créu.

Abraço
http://capreta.blogspot.com

Anônimo disse...

Ahhh eu concordo com tudo!!
E é um saco ouvir tudo oq falam deles!!!
Canseiiii

Cruela disse...

Como assim o anônimo concordou?
tem caroço nesse angu.

sangue-sugas § disse...

bom como diria os mamonas, gosto é igual cu, cada um tem o seu.
kkkkkkkkk
Visite tb nosso outro blog de downloads de cds em mp4:
http://mp4pontocom.blogspot.com/

http://sangue-sugas.blogspot.com/
De tudo um pouco

Edson Marques disse...

Mamonas?
Melhor nem falar...



"De todos os abraços, o que nunca esqueci": adorei o teu texto!


Abraços, flores, estrelas..

Dama de Cinzas disse...

Infelizmente ou felizmente eu concordo! Achava eles engraçadinhos, lamentei muito o acidente, mas musicalmente não via nada ali!

Beijos

wal disse...

confesso que a musica deles era uma porcaria... mas de tanto escutar na época acabei me acostumando a ela.
claro que se eles hj estivessem vivos não seriam um sucesso como foi quando se lançaram né?
mas brasileiro adora o que não presta...veja só letras de pagode, sertanejo, funk e rap?....tudo lixo...rs.

Namorada Bióloga disse...

Totalmente apoiada!!! Eu na verdade sempre me perguntei e perguntei aos outros, o porquê do sucesso desses rapazes que ao meu ver eram apenas meninos bobos, pra não falar retardados, que ficavam pagando de ridículos em cima de um palco, enquanto muitos outros ridículos e bem mais retardados ficavam assistindo e cantando músicas com abobrinhas e palavrões. Se eram palhaços, eram de péssima qualidade. Se eram artistas musicais, eram também de péssima qualidade. E se tivessem vivos com certeza hoje eles e todos os fãs (ou quase todos) estariam mortos de vergonha do passado.

Elisa&Alex disse...

Essa Namorada Bióloga é tão anarquista... Eu acho que não precisa disso td... Eu acho que era só para divertir o povo... e naquela época o país se encantou pq era um momento sem mtas evoluções sociais que acabavam deixando o povo carente... =) Vamos ser mais tolerante minha gente....

Para Mim tanto Faz, n sou mega fã... Mas deixa os pobres viverem....

Elisa.

Cruela disse...

Bem Elisa,

Deixar os pobre viverem é impossível né?

kkkkkkkkk

Alex&Elisa disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.... É... os pobres a que me referi n são os q já morreram, mas os do país que ainda estão vivos... kkk...


Elisa.

coizinha disse...

han, não que eu queira ficar em cima do muro mas...
no ponto de vista, digamos, "lírico" da coisa toda, as musicas(letras) não tinham nada (nada mesmo) a acrescentar!![temos que admitir]
porem no campo "harmonico/melodico" não era ruim assim para que possamos apedreja-los tão pre concebidamente, so por causa da chamada irreverencia [ou falta de conteudo]
Mamonas não era uma Adrina Calcanhoto mas tambem não era um Tiririca!

"deixar os pobres viverem em paz"...realmente ta dificil...

Pucci disse...

eu gostava dos mamonas hahaha :P

nem ligo


respondendo seu comentario no meu blog ... sim ...eu vivo apaixonada ..:P

Cruela disse...

Foi o que eu falei Coizinha.

A paz a gente garante, mas o viver... aí é complicado demais.

ps. achei que eles fossem os pobres. Afinal de contas o bem maior é o bem da vida né?

L.S. Alves disse...

Os caras não eram pra ser levados a sério. Eles tavam ali e acharam um jeito de ganhar dinheiro aproveitaram a chance e pronto.
Por sorte morreram antes de gravar o segundo disco.
Um abraço.

Chamberlens disse...

Realmente!
Os Mamonas eram uma bostinha!!!
Eu era mais pivete e não gostava. era engraçado, mas só!
Só é o que é hoje por que os caras morreram!
Se o Falcão tivesse morrido nessa época também seria um idolo!
Mas como ele sobreviveu!
onde está falcão????

Miss Halliday disse...

Vc realmente é cruela... Rsrs!! Mas gosto da sua maneira de colocar as coisas.
Não assisti ao programa, mas queria ter visto (gosto da letra e do ritmo de Robocop Gay). Só que estava participando de coisa pior: Numa casa de show de forró com amigos turistas de SP (moro em Maceió, Alagoas). Querem coisa pior que letra de forró?!!? Mamonas é pinto perto disso...
Além do mais, os "pobres" já morreram... Porcaria por porcaria, devemos lembrar que ainda estamos cheios desses tipos vivos e bem vivos, ganhando dinheiro dos otários que compram cd´s, dvd´s e vão aos shows!
Bjinhos.

Chamberlens disse...

Aé!!
Não sou tão uzão assim dona Cruela!!1
Tanto que visitei seu blog e respondi a vc!

Cruela disse...

kkkkkkkkkkkkkkk
uai.

achei que vc quisesse ganhar o concurso.

kkkkkkkkkk

JujuG disse...

Olha, eu acho que na época que eles apareceram, eles realmente inovaram, foram irreverentes sim, eram alegres, muito alegres e alegravam principalmente as crianças. Eu me lembro do qto minha sobrinha de 5 anos ficou chocada e chorou com a morte deles. As músicas eram idiotas mas eles eram bons músicos e acima de tudo eram felizes!!!

Gu do Angu disse...

Então pode postar, D. Cruela, pq a bichinha vai continuar por aqui mesmo! :-p

No mais, qto aos Mamonas, eu achava muito constrangedor minha sobrinha, com 4 ou 5 anos, esgoelando aos brados 'comer tatu é bom, pena que dá dor nas costas'... Sei lá... Devo ser meio pudico...

Marina disse...

Nossa... Não vou jogar pedras, porque cada um tem sua opinião. Mas musicalmente falando - quero dizer em termos de musicalidade, não de letras - os caras eram muito bons. Dinho tinha uma boa voz e os instrumentistas tocavam muito bem. Muito diferente de um trecho solto de baixaria ou de uma música de Tiririca, que nunca soube cantar nada. Ou desses bregas que estão na moda, cujos cantores só estão lá porque a mãe deles disse que eles cantavam alguma coisa.

A graça da piada dos Mamonas eram justamente eles. Eles faziam piada consigo mesmos, com o Brasil, assim como vemos muitos compositores bons fazerem. Só que eles ousaram mais e foram politicamente incorretos.

Era uma boa proposta. E esta é só a minha opinião.

Abraço!

Fernanda disse...

É UMA QUESTÃO DE OPINIÃO! PORÉM COMO DIZEM PALAVRAS CATÉGORICAS SÃO SINTOMAS DE UMA CAUSA INFUNDADA E ACHO SIM QUE A SUA SE ENQUADRA NESTE CONTEXTO! IRREVERENTES OU NÃO É OBVIU QUE ELES VIERAM E QUEBRARAM PADRÕES ANTES QUE OUTROS O FIZESSEM E MERECEM SIM O MÉRITO PELO QUE FIZERAM, AGORA SIM NUMA QUESTÃO PESSOAL DE NÃO GOSTAR, VAI DE CADA UM, PORÉM COMO PODEMOS AFIRMAR QUE ELES ESTARIAM ASSIM OU ASSADO??? BASICAMENTE TENTAMOS SER DONOS DO NOSSO PRÓPRIO DESTINO E ESSE AINDA NOS PREGA PEÇAS , QUEM DIRÁ AFIRMARMOS AH SIM O FUTURO SERIA ISSO OU AQUILO, PASSA A SER UM TANTO QUANTO PRETENSIOSO NÃO???

SUCESSO À SEU BLOG, MAS TOME CUIDADO ATÉ MESMO PARA SER POLÊMICO, DEVE-SE HAVER FUNDAMENTO, NÃO SIMPLESMENTE NÃO GOSTO POIS ACHO QUE POSSO PREVER O FUTURO.

Cruela disse...

Fernanda.

Tenho direito e a obrigação de gostar disso ou daquilo. Não gosto dos Mamonas, não acho que eles faziam arte ou humor. Não vejo diferença entre eles e o funk que faz apologia ao sexo. Eles também faziam.. ao sexo, as drogas, ao estupro. Mas, não condeno quem goste. Como disse alguém aí em cima. Gosto é igual a fanatiCU.

Volto a afirmar que musicalmente falando eles eram umas porcarias. Teve espaço na mídia porque nós adoramos a dança do quadrado.

O que me impressiona é neguinho descer o pau (uia) no rala o pinto e dizer que Mamonas era bacana.

Certamente se eles ainda estivessem vivos estariam esquecidos.

Não fico preocupada quanto a repercurssão do que escrevo. Não sou uma formadora de opiniões.. sou uma blogueira, dona do meu blog e por aqui sempre vou escrever o que quero. Além do mais, não vejo nenhuma polêmica em dizer que não gosto e não preciso gostar porque os caras estão mortos.

Cruela disse...

camillinha:
sim você complicou.
kkkkkkkkkk

*******************************

Silvia:

eu adoro trash. Magal é meu ídolo.

*******************************

Fernando:
Com certeza, musicalmente falando o melhor que eles fizeram foi morrer.

********************************

Euzer.
Mas as crianças sempre convivem com a morte. Releias os contos infantis... a mãe e o pai da princesa sempre morrem e nos atuais clássicos, sempre vamos nos deparar com a morte de um personagem bacana. ou seja, até os bons vão morar com papai do céu.

Fliper_X4 disse...

mamonas forever!!

nunca terá outros iguais

Cruela disse...

se deus quiser não mesmo.

iti disse...

salve os mamonas...
nossa queria ter assistido o especial ...
mais nem deu ..
pena!...
vou tentar achalo para baixar..

nasci ou pouco depois do sucesso deles, mais fui conquistado pelo som...
como tdo que é bom dura pouco...veja Ranato russo..
cazuza..


foda!


www.lhmartins.blogspot.com
informando ...

O Equilibrador de Pratos disse...

Excelente blog. Sério. Difícil encontrar um blog de conteúdo hoje em dia. Mas virarei assíduo aqui no teu, ok? Sério. Vi o especial da Gloobo também "Por Toda Minha Vida". Show de bola. Os caras eram escrachados e não se importavam com nada. Não se levavem a sério. E aí tá o ponto porque eles fizeram sucesso. Rir de si mesmos. Aliás, dá uma conferida no nosso. Acho que pode rolar uma interação bem legal entre nossos blogs: www.oequilibradordepratos.blogspot.com

- O Equilibrador de Pratos -
O que os homens pensam?
Relacionamentos. Teorias. Discussões. Comentários. Mulheres. Sexo. E pratos equilibrados em varinhas. Bem-vindo à vida real.

Jana Moraes disse...

Ui.............

Passa na Maçã e confira o MEME...

Tem a série Blue Moon também, que tá bombando...

Morde a fruta lá e me conta.

http://macacomlimao.blogspot.com

Elida disse...

Realmente. Poderiam até ser um grupo bem alegre e irreverente, isto ninguém pode negar, mas daí a terem um repertório musical...
Também fiquei chocada com o acidente. E concordo que eles marcaram uma época e por isso devem ser lembrados.
Beijos

Gu do Angu disse...

O que é mais engraçado é gente levando a sério a idéia de defender os mamonas baseado no fato de que eles não se levavam a śerio, né?

Eu não coloquei o banner do hiscas no site... Sacumé a preguiça, né? Mas vc pode ver aqui, ó:
http://www.contosdeterror.com.br/links.html ou aqui, mais direto http://www.contosdeterror.com.br/images/bannergalery.gif

No mais, querendo, vá pegar um cangaceiro lá na casa da sua vó, que a Bia é nossa! :-p

JLM disse...

é q uma vez, não sei quem, em um reino distante, amaldiçõou o brasileiro a só gostar daquilo que "é imoral, é ilegal ou engorda".

e estamos assim até hj...

1 abraço.

Anna Flávia disse...

o título da postagem ficou ótimo! ashueae
eu concordo em todas as partes, não perdemos nada musicalmente falando.


beijos

pontozero0.wordpres.com disse...

Acho que a principal e grande diferença entre Mamonas e Créu ou Éguinha Pocotó era justamente a forma como se colocavam as coisas, as duas últimas desviam a qualidade musical apelando por palavras colocadas de maneira vulgar e depreciativa, já os mamonas, em suas letras tratavam tudo com irreverência, robocop gay, vira-vira, ser corno ou não ser, e as outras, infelizmente, poucas música, usavam, talvez, as mesmas palavras porém, as colocando sem insultar ou agredir, mas sim desmistificando essa história de "palavrões", ou seja, não existe temas ou palavras feias, o que é feio é como se fala.

Cruela disse...

tá...
então ia ser bonito sua filha de 4 anos cartar:

sabão cru cru não deixa os cabelos do saco misturar com os cabelos do cu.

Pelamordedeus gente. Palavrão é palavrão. A diferença é que eram rapazes brancos ricos de nome Dinho... e não um viado magricelo do morro chamado Lacraia.

Então se o viado fala vou comer seu cu é feio... eles era bonito?

mepoupe.

Fá Frazão disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fá Frazão disse...

Mandou bem no post Cruela ;)

Nos idos de faz tempo... eu como muitos pimpolhos gostava dos Mamonas Assassinas. Realmente não sei porque. Talvez por conta da irreverência ou como vc mesma colocou "...(que eu chamo de palhaçada)", concordo também com a palhaçada.
Concordo também com o AnGu. Sim eles se levavam a sério. Acreditavam no trabalho deles, senão não obteriam o sucesso que tiveram.

Como o Zé Simão diz: "no país da piada pronta", naquela época era diferente. A banalização e o escracho das músicas dos Mamonas, ao meu ver hoje, não "agridem" tanto, como nosso Suuuuuuuuuper Hits Rebolativos do Mc Créu e suas "dragonetes", Mc Galopa, Dandara e as Gostosas, Sharon Axé Moi o.O e tantas outras bizarices.
Na minha opinião, hoje a putaria visual e lírica, musicalmente falando, impera mais do que nunca.

Bjuzz

PS: Faço uma resalva de só ter mencionado "artistas" do funk... mas coisa ruim tem em tudo quanto é canto. Outros estilos musicais que também tem suas pérolas - e muuuuitas.
Ah e esse comentário foi escrito ao som da rádio www.pesadao.com ¬¬ Yeap coragî Kkkkk

pontozero0.wordpres.com disse...

Acho que esse lance de "Palavrão é palavrão" meio nada haver, eu canso de mandar amigos tomarem no cu ou se funderem na brincadeira, dando risada. Não peso do menosprezo ou ódio. Um vez ouvi, não me lembro, quem falar: Palavrão é corrupção, isso sim é palavrão. E, justamente por isso, que diferencio os Mamonas, em nenhum das letras se tinha um peso além da irreverência, muito pelo contrário, era possível ver muita gente cheias de preconceito cantando "Robocop Gay" de boa. E aí o que é melhor sua de 4 anos cantar "Robocop Gay" na brincadeira, ou ela agredir verbalmente um homossexual? e o mesmo se aplica as outras músicas, lidar com um vocabulário, até então, tipo como sujo e feio, na brincadeira pode mostrar que nada é feio, dependendo da maneira que se fala. Não quero, em momento algum, discutir a qualidade musical deles, pq para uns rock é para outros é um lixo, para uns sertanejo é bom para outros é lixo, e isso se aplicada a todos os estilos. O que discuto é comparar Mamonas com Créu e outras coisas desse gênero. Vejo uma grande diferença neles só isso!

Gu do Angu disse...

Pra mim, palavrão é 'anti-inconstitucionalissimamente"... :-)

Era a palavra que a gente mais usava quando tava brincando de forca por conta disso... (e essa piada, então, que é de antes dos Mamonas Assassinas?)

Ó! O Hiscas aí do lado! Obrigado, vocês duas! Mas não podem levar a Bia só por isso, viu???

Beijo

Conquistadores (Didixy) disse...

Isso é punk rock! Eu curti e muitos brasileiros curtiam. Agora comprar Mamonas com as ridiculas musicas de funk é sacanagem meu.

Jarbas disse...

[antes de qualquer coisa, muito obrigado pela visita!

menina, eu estava lembrando dos mamonas outra dia... juro que até gostava da música deles.

bom domingo.
beijos.

Thiago da Hora Souza disse...

Só ficam melando a vida desses caras porque morreram, porque se ainda vivos fossem ninguém mais neles falaria. Tal qual o da "éguinha pocotó".

Alex & Elisa disse...

hahaha

Verdade seja dita...as músicas não eram assim uma "brastemp"...como disse alguém ai, que não lembro (e nem vou voltar pra ver o nome), é mais pelo gostinho de infância...

Mas enfim...beijos e tudo de bom!

PH disse...

Foi uma fase legal, eu curto umas músicas besteirol mesmo.

:*

coizinha disse...

geeente,
defender rapazes que não se levavam a serio rende assunto de montão. ó
\o

Cruela disse...

Viu só Coizinha.

E eu achando que era um post morto.

Ops. o post é morto mesmo.

rs

Maldito disse...

Acho que eles eram bons no que se propunham em fazer,...
A morte deles me marca muito porque foi no dia da festa do meu aniversario de 15 anos e foi quando comecei o meu primeiro namoro,... na hora do meu primeiro beijo, o pessoal veio me informar do acidente,...
Nem te conto o que aconteceu na nossa primeira transa,...rsrsrs

Bjs

Obrigado pela visita

Gostei daqui! Voltarei mais vezes!

Inté!

BABI SOLER disse...

Faziam letras mediocres, mas eram irreverentes e puros.
Acho que tem coisa muito pior por ai cantando, dançando e rebolando.
Boa Semana!

Luc's. disse...

verdinha? Tomando aquela verdinha? ela sabe.... ela sabe....

8-)

Valeu a visita!
Lucas!

Lekka disse...

Oi, Cruela!
Foto encima do piano é forte! O que viria depois? Camiseta dele/dela?
Os Mamonas foram apenas um sucesso fonográfico, mas não cultural e só permacem como sucesso até hoje, por causa da morte violenta e prematura que tiveram. Eram jovens e irreverentes, talvez para eles tudo não passasse de uma grande brincadeira.

Jéssica Alves disse...

Oi!!

Gostava da música, cantava muito, mas quando ouço hoje....Credo!

Criança não pode ouvir não!!
Eguinha pocotó perde pra eles!

Morreram virou mito. Fui fã, muito fã, era muito nova...mas hoje se estivessem vivos e fazendo música. Jogava o rádio pela janela!!hahaha

Adorei o blog, virei aqui mais vezes!

Abraço,

Jéssica
jeuflower.blogspot.com

Denyze Moreira disse...

Só pra dizer que adicionei vcs!

Bjo!

ohvarios disse...

ahh eu gostava da putaria deles, a musica era uma merda, mas o que valia era a putaria para todo mundo se divertir um pouco.

=]]

Segunda a Sexta disse...

Cruela, sou seu fã!

É assim, já vi uma porção de bandas (e não-bandas, pq tenho uns amigos tão doidos quanto eu que fazem isso tb) que fazem músicas paródia com clássicos de outros estilos musicais.

Nada de mais, a questão é que eles eram divertidinhos e não é de se estranhar que na falta de opções as coisas divertidinhas ganhem proporções épicas...

É justificável e como vc bem disse, nada aceitável. ^^

Beijo!

Idylla disse...

Na verdade Mamonas Assassinas n fizeram sucesso por causa das suas músicas, e sim por causa do seu estilo, da irreverência, do jeito diferente de ser, das maluqices, todos gostavam, eu gostava, se bem q era crianaça na epoc devia ter uns 8,9 anos eu acho....
E outra coisa, tdo bem q música deles n pde ser considerada MPB, ou música boa de qualidade, mas hj em dia, tdo qnnto eh porcaria independete do cantor esta vivo ou morto faz sucesso, pra q merda melhor q a dança do quadrado, ou esses Funks ridiculos q tocam o tempo tdo por ai e todos s divertem.....m dizz???


Msmo assim gostei do post, interessante e causou polêmica hehehe....isso eh bom ;)

xero

iara-alencar disse...

Alo meninas!!

Comentarista Abalizado disse...

Mas que cruel, Cruela.
Os coitados não eram grandes compositores, nem os reis do virtuosismo, mas, nem queriam ser. O que os Mamonas queriam era sucesso e popularidade, o que alcançaram muito bem, tanto por características pessoais, como por estratégia bem traçada.

Além disso, as composições eram infinitamente superiores às dos funks atuais, ou dos sucessos do astro Tiririca.

E, por fim, enaltecer alguns versos de Robocop Gay, porque diz que todo mundo é viado, é muita sacanagem. Sacanagem com Robocop Gay, porque é uma música jocosa, apenas isso... e sacanagem com todo mundo, porque não é todo mundo que é gay.

Dentro do que é extremamente popular e 0% cultural, eles eram bem bons... dos melhores já vistos no Brasil.

Cruela disse...

gostei do 0% cultural.

ps. quase todo mundo é gay então.

rs

chiveta disse...

pior que a música deles, são as pessoas que faturaram (e faturam ainda, né?!) com o fim (trágico) deles..

Cruela disse...

Concordo Chiveta,

Mas a miséria do outro sempre rendeu bons trocados. É a indústria meu caro. A indústria.

Nati disse...

Não seja Cruel, Cruela.
Dentro do que eles se propuseram fazer, eles foram sim muito bons.
Se agora alguém ousa dizer que as letras eram riquíssimaas, paciência.
Os Mamonas nunca quiseram ser a nova bossa, ou a tropicália ou coisa que o valha.

O que eles quiseram, eles conseguiram e em pouco tempo. No mundo de hoje, isso é o TOPO.

E como eu adorava Robocop Gay. Era a melhor pra mim.

Chica disse...

Boa, isso mesmo. Tem razão.

celso disse...

o mocinha...

vc perdeu uma oportunidade boa de ficar quieta...

eu tb não gostava muito das letras, mas como musicos eles eram ótimos... ou vc conhece muita gente que consegue tirar o som de um boi em uma guitarra como fazia o japones?

todos, eu disse todos, eram excelentes musicos... tem de saber separar... musica não é letra... musica é melodia e melodia se faz com instrumentos... o que, repito, todos eles faziam muito bem.

abraços e meu blog é http://celsoricardo.wordpress.com

Lucas disse...

Não, não, não!

Tenho certeza que se ainda estivessem vivos, teriam gravado mais discos do mesmo nipe e vendido mais discos ainda!
Assunto não faltaria pra virar música na cabeça deles!
Num sei se estariam na mesma até hoje, pq já estariam beirando os 40 anos.
Vc fala que não gosta agora, mas tenho minhas dúvidas se quando eram vivos e todo domingo estavam em alguns desses programas, vc não ficava em frente a TV imitando o Dinho dançando "O VIRA".

Cruela disse...

Celso,

se eles eram instrumentista pra que cantavam então?

E do mesmo jeito que vc tem o direito de gostar eu tenho de achar uma bosta.

Cruela disse...

Lucas.

Não. nessa época eu participava de torneios de sinuca... não tinha tempo para isso.

Barbara Eleodoro disse...

Fico fascinada com quantidade de porcaria que escrevem..rs.. Querida se você não estivesse preocupada em colocar fogo na lenha e ser o foco das atenções, não teria um blog como esse e se tivesse o mínimo de coragem nessa "calcinha", teria fontes decontato direta nesse blog. Provavelmente é uma filhinha mimada que acha que é escritora. Entenda uma coisa, ser crítica não é destratar o trabalho dos outros e sim críticar com consciência, mas como já sabemos, você não é capaz disso.
O que acho ainda mais engraçado, é que no fim, os tantos como você que surgem e desaparecem, sempre usam a desculpa covarde de dizer "Eu tenho o direito de dizer o que eu penso", mesmo tendo a proteção de um anonimato na internet, pois você certamente não falaria tudo o que fala, se não fosse tão anônima.

Sorte com suas meias palavras querida, vai precisar.

Cruela disse...

barbara -

ok.

Persona disse...

eu conheço uma pessoa que tira som de boi.

tá certo que é na base da chibata... mas que tira tira.

Darth Vader, Papai Noel, Escritor... disse...

Fala sério !!!!!!

Eu amo os mamonas assacinas, não só por causa da irreverência, nem pelas besteiras que eles diziam, mas pela a alegria que eles traziam ao plublico deles.

sempre quando eu estava triste, era só ovir sabão cra-cra, ou jumento celestino, ou qualquer outra musica deles que eu ficava mais alegre do que porco no chiqueiro.

É claro que EU nao tenho direito de questionar, eu nunca li seu blog... eu só estava passando e dei uma olhada no post dos mamonas e... bom, sinceramente eu achei esse post u ma droga.

E não se pode comparar mamonas assacinas com um mero fanksinho que nem é uma musica de verdade. mas agora me diz, quantas vezes alguma banda de funk ja foi tocar lá nos estados unidos, quantas veses o Tiririca foi tocar npos estados unidos ??? Porque quando os mamonas morreram eles estavam trabalhando... estavam mostrando que não eram só mais uma bandinha, eles eram e sempre vão ser LENDAS DA MUSICA BRASILEIRA...

MARIUS QUIRÓZ disse...

Onde eu assino?

Cruela disse...

Dart.

Mamonas AssaCinas...

se eles estivessem vivos você iria matá-los de vergonha... assim como fez com o Português.

Lendas da Musica Brasileira - estamos tão mal de música assim?

Cruela disse...

Mário.

No x vermnelho, ao lado do monte de pedra.

Josemário Silva de Assis disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

é sua cruela filha da puta sua biscate que não tem ninguem pra come su cu
e fica i falando que eles falavam palavrão vc acha que isso as crianças naum aprende na escola
porra.
se vc naum sabe na epoca eles eram os cantores que mais entavam na midia e que mais ganhava
eles chegaram a cobrar 70 por show
e ja chegaram a fazer 8 por semana
ta ganhava mais do que roberto carlos e etc.
entaum mesmo eles sendo umildes e tal ruins pelo menos else fez sucesso e vc su monte de bosta va ficar criticando vai arranjar alguem pra te fuder sua vaca
os caram ja morreram a 13 e vc vai postar isso se liga ne.

劉德華Andy disse...

AV,無碼,a片免費看,自拍貼圖,伊莉,微風論壇,成人聊天室,成人電影,成人文學,成人貼圖區,成人網站,一葉情貼圖片區,色情漫畫,言情小說,情色論壇,臺灣情色網,色情影片,色情,成人影城,080視訊聊天室,a片,A漫,h漫,麗的色遊戲,同志色教館,AV女優,SEX,咆哮小老鼠,85cc免費影片,正妹牆,ut聊天室,豆豆聊天室,聊天室,情色小說,aio,成人,微風成人,做愛,成人貼圖,18成人,嘟嘟成人網,aio交友愛情館,情色文學,色情小說,色情網站,情色,A片下載,嘟嘟情人色網,成人影片,成人圖片,成人文章,成人小說,成人漫畫,視訊聊天室,性愛,a片,AV女優,聊天室,情色

日月神教-任我行 disse...

視訊做愛,免費視訊,伊莉討論區,sogo論壇,台灣論壇,plus論壇,維克斯論壇,情色論壇,性感影片,正妹,走光,色遊戲,情色自拍,kk俱樂部,好玩遊戲,免費遊戲,貼圖區,好玩遊戲區,中部人聊天室,情色視訊聊天室,聊天室ut,成人遊戲,免費成人影片,成人光碟,情色遊戲,情色a片,情色網,性愛自拍,美女寫真,亂倫,戀愛ING,免費視訊聊天,視訊聊天,成人短片,美女交友,美女遊戲,18禁,三級片,自拍,後宮電影院,85cc,免費影片,線上遊戲,色情遊戲,日本a片,美女,成人圖片區,avdvd,色情遊戲,情色貼圖,女優,偷拍,情色視訊,愛情小說,85cc成人片,成人貼圖站,成人論壇,080聊天室,色情