sexta-feira, novembro 26, 2010

24 DICAS PARA A HORA DE SAIR DO ARMÁRIO

Prezada amiga leitora sapatã não assumida.

Quer sair do armário e não sabe como?

Segure a piriquita, leia as dicas abaixo (que eu gentilmente roubei do SECRET CLOSET que por sua vez roubou do MIX BRASIL - ou seja, ladrão que rouba ladrão tem 100 anos de perdão npe?)

Confira 24 dicas para hora de sair do armário Em tempos de bullying a gente te ajuda a sair do armário
1. Nunca saia do armário durante uma discussão ou para agredir alguém.

2. Nunca saia do armário num veículo em movimento.

3. Um indíviduo é mais dotado de raciocínio que um grupo de pessoas reunido. Saia do armário para uma pessoa só por vez e em algum lugar privado.

4. Pessoas ignorantes podem dizer coisas sem imaginar que são dolorosas de ouvir.
Lembre-se de que simplesmente eles não têm consciência e que (provavelmente) estão em estado de perplexidade.

5. Eles podem já saber.

6. Sair do armário como drag não é muito indicado (a menos que você tenha os sapatos certos...)

7. Lembre-se que um turbilhão passa pela cabeça da pessoa a sua frente: ela tem que lidar ao mesmo tempo com a idéia que tem de gay, com você como uma pessoa de carne e osso e a combinação das duas (já que você provavelmente não se enquadra em seu estereótipo de gay).

8. Esteja sóbrio.
9. Não leve seu namorado com você. É melhor dar um passo de cada vez.

10. Esteja pronto para dar tempo e espaço necessário para a pessoa pensar a respeito antes de qualquer discussão ter vez.

11. Esteja pronto para ser interpelado com questões que podem ou não ofendê-lo.

12. Para algumas pessoas é difícil admitir que seu conhecimento sobre um assunto é limitado. Leve um livro, panfleto, número de telefone ou qualquer outro recurso a que seu interlocutor possa recorrer quando você não estiver por perto.

13. A vida é sua, você só pode contar com você, e seu argumento fundamental é que você vai continuar vivendo como uma pessoa gay não importando as objeções de outrem quanto a isso.

14. Pode não ser má idéia ter a mão um Lexotan 6 mg.

15. Existem pessoas que nunca irão suportar não fazer diferença o que disserem.

16. Se sua audiência estiver com uma expressão mau-encarada, não faça nenhum movimento brusco.

17. Respire (Profundamente).

18. Nenhuma experiência em sair do armário pode ser comparada com outra. É um momento único.
19. Não agende nada mais para o resto do dia/noite.

20. A maioria das pessoas precisam de um bom tempo para pensar realmente sobre as coisas.

21. Sempre tenha um plano de escape. Você pode não precisar dele, mas se precisar será bom não ser pego de surpresa. Tenha um lugar para continuar o entrave durante a noite e dinheiro que você possa utilizar caso a cena persista por mais tempo.

22. Tenha habilidade ao falar, mas não se deixe intimidar. Em último caso, grite - você precisa se defender também.

23. Apenas porque você saiu do armário para alguém não significa que não tenha que fazer isso outra vez, e mais outra, e outra.

24. E não tente responder a perguntas sobre nenhum artista supostamente gay, ok!?


quinta-feira, novembro 25, 2010

EU QUERO É SANGUE!!!!

Boninho diz que agressão física será liberada no "BBB 11"

Pancadaria e muita bebida. É isso que Boninho está prometendo para a próxima edição do "Big Brother Brasil", que começa em janeiro.


O diretor escreveu no Twitter que, a partir de agora, a agressão física não será mais proibida no programa (nas edições anteriores, qualquer agressão resultava em eliminação imediata).

"Nada é proibido no BBB, pode fazer o que quiser", escreveu Boninho no microblog nesta quarta-feira. E completou: "esse ano... liberado! vai valer tudo, até porrada".

Ele também declarou que agora o programa não servirá aos participantes apenas bebidas "ice". "Vai ser power... chega de bebida de criança", decretou.
(fonte: FOLHA ILUSTRADA)

Ahhh Boninho?
Por que você não teve essa idéia antes?
ps. será vai liberar o rabo de galo e o cu de burro?

quarta-feira, novembro 24, 2010

MAIS UM IDIOTA!!!

Deputado carioca diz que ter filho gay é falta de “porrada”

O militar e deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) sugeriu que os pais deveriam bater nos filhos com tendências homossexuais para mudarem de comportamento. A afirmação foi feita ao programa "Participação Popular", da TV Câmara.

Os deputados Jair Bolsonaro e Paulo Henrique Lustosa (PMDB/CE), presidente da Frente Parlamentar da Criança e do Adolescente, discutiam sobre a Lei da Palmada, quando Bolsonaro afirmou: “O filho começa a ficar assim meio gayzinho, leva um coro, ele muda o comportamento dele. Olha, eu vejo muita gente por aí dizendo: ainda bem que eu levei umas palmadas, meu pai me ensinou a ser homem”.

(FONTE: CENA G)


Bolsonaro meu caro (olha a rima aê gente!!),


Nem sei qual erro seu eu quero apontar primeiro... se agressão, se a homofobia, se a sua falta de compromisso, se o seu cabelo de beiçola...


Mas o fato é que se o senhor seguir o seu instinto e der meia hora de bunda todos os dias... vai ficar ocupado e largar de profanar besteiras.


Porrada não conserta ninguém, muito pelo contrário, entorta.


Mas como tenho coração bom, desejo que tudo que você deseja ao próximo volte para você... em dobro.


Resumindo, que alguém te cubra de porrada ali na esquina.


#prontofalei



terça-feira, novembro 23, 2010

AI QUE DÓ!?!?!??!

Sthefany Brito perdeu o direito a gratuidade na Justiça, que a isentava de pagar os custos do advogado de seu ex-marido, Alexandre Pato, no processo de separação e vai ter que pagar R$ 2 mil por isso.

Segundo o jornal "O Dia", publicado nesta terça-feira, 23, o Tribunal de Justiça do Rio aprovou recurso de João Paulo Lins e Silva, advogado do jogador. Sendo assim, a atriz terá de pagar R$ 2 mil ao advogado do ex.

Recentemente, o jornal "Agora" noticiou que Sthefany teria alegado que, se pagasse os R$ 2 mil, não teria condição de sobreviver, já que só recebe R$ 5 mil de pensão do jogador.

RELEMBRE ESTE FATO -

segunda-feira, novembro 22, 2010

E OS AMIGOS???

Os amigos não estavam lá por ele


O país inteiro está chocado após a divulgação das imagens da câmera de segurança que captou o momento exato da agressão contra um jovem gay ocorrida na Avenida Paulista no último dia 15, praticada por outros também jovens com clara falta de ocupação, pais omissos e fortes tendências à homossexualidade enrustida (me desculpem, mas todos aqueles que optam pela agressão a homossexuais de forma gratuita tem SIM um pezinho no lado GLS, mas que teimam em esconder).
As cenas são realmente aterradoras e revoltantes, mas outra coisa chamou minha atenção, e que para mim é igualmente revoltante: a insensibilidade dos dois amigos que acompanhavam o jovem agredido covardemente. Vendo o amigo ser espancado, eles apenas continuam andando, ignorando o amigo que precisava de socorro. E no vídeo vemos eles parando e observando, como se o que estava acontecendo fosse algo corriqueiro, sem qualquer gravidade. Lá parados pareciam estar pensando "Não é com a gente mesmo... Quando terminarem, arrastamos o corpo para o metrô". Nem ao menos esboçam preocupação em buscar ajuda, ligar para a polícia, ou até mesmo partir para a briga em defesa do pobre coitado. Simplesmente ignoraram o fato de que eles também poderiam ter sido escolhidos pelos agressores, e que se isso acontecesse, eles torceriam para que seus amigos os ajudassem.
Por mais que o momento fosse de total perplexidade e espanto com a agressão gratuita, o mínimo que se espera seja o apoio dos amigos em situações adversas. Afinal, amigos são aqueles que estarão sempre ao seu lado, não importa o quão grave seja o momento. E naquelas imagens o que vi foram dois covardes que são tão culpados quanto os agressores. Omissão é um grande erro. E a omissão quando um amigo necessita de ajuda é um erro maior ainda, sem espaço para justificativas. Porque é como diz a música tema da série "Friends": "Eu estarei lá por você / Porque você está lá por mim também".

(escrito por Thiago da Hora)

sábado, novembro 20, 2010

UMA ESMOLA PELO AMOR DE DEUS!!!!

"Sthefany Brito pediu à Justiça para não arcar com os custos do processo de separação de Alexandre Pato. Alegou que, se pagar os R$ 2.000, não terá condição de sobreviver. A atriz teve o pedido aceito. Sem contrato com a Globo e nenhum trabalho à vista, Sthefany vive da pensão de R$ 5.000 que recebe do jogador"

É gente, tá fácil pra ninguém não... agora eu pergunto, se a Sthefanny Brito se declara pobre eu tenho que me declarar o quê? Pedinte?

Eu acho assim, se a pessoa não tem contrato com a globo ela pode muito bem tentar uma vaga de Mutante na Record ou quiça/quissa uma participação na Fazenda 4.

Mas como julgar não é um papel que me cabe eu vou mandar um recado:

Sthefanny querida? Se quiser ir dar uma geral lá em casa eu te pago r$ 60 + transporte.

?????

se você fosse eu, escreveria um post sobre o quê?

quarta-feira, novembro 17, 2010

SORTE OU DESTINO?

"Meu plano era deixa você fugir quando quiser
Meu plano era esperar você voltar
Engano meu achar que o plano é passageiro
Engano meu
Acho que o destino antes de nos conhecer
Fez um plano pra juntar eu e você"

  só que eu chamo de sorte...
tive sorte de estar exatamente no local onde você iria passar...


aí sim, depois de um golpe de pura sorte, entrou o destino "que mesmo antes de nos conhecer, fez um planto pra juntar eu e você"

E o resultado é esse aqui
5 anos

Te amo


ps. rumo ao ano 6

domingo, novembro 14, 2010

HOJE É DOMINGO...

Hoje é domingo
Pé de cachimbo
O cachimbo é de ouro
Que bate no touro
O touro é valente
Que bate na gente
A gente é fraco
E cai no buraco
O buraco é fundo
A C A B O U - S E o mundo!

quinta-feira, novembro 11, 2010

ANA MARIA BRAGA VAI DESEMBOLSAR 10 MIL DINHEIROS...

É isso mesmo que você leu, Ana Maria Braga terá que pagar R$ 10 mil reais por injúria com o ex da Susana Vieira...

De acordo com a coluna Telenotícias, do jornal "O Dia", publicada nesta quinta-feira, 11, Ana Maria Braga foi penalizada em R$ 10 mil por injúria contra a memória de ex-marido de Susana Vieira. A apresentadora não compareceu à audiência no Juizado Especial Criminal de Jacarepaguá nesta quarta-feira, 10, e responde por injúria contra a memória de Marcelo Silva, ex-marido de Susana Vieira, por causa do "Mais você" exibido no dia 12 de dezembro de 2008.

A apresentadora não foi citada porque pediu, por carta precatória, que fosse ouvida em São Paulo, onde mora. A nova audiência está marcada para 13 de dezembro, às 14h. O advogado de Regina Célia da Silva (mãe de Marcelo), René Rocha, disse à publicação que o juiz do processo quer uma transação penal de R$10 mil, a ser paga para uma instituição infantil, ao invés de condenação: "Mesmo esse valor sendo simbólico para ela (Ana Maria), será de grande valia para ajudar crianças deficientes". (fonte yahoo)


Agora eu não entendi uma coisa, desde quando desejar a morte de alguém é crime? 

quarta-feira, novembro 10, 2010

SÓ PARA SAPATÃS!

Olá povo meu.

Mais uma vez, este blog religioso aborda a temática sapatão... juro que não entendo os descaminhos que nos fazem andar por caminhos tão tortos.

Então, atendendo ao pedido de uma amiga que mora no Canadá (e é sempre bom manter relações com pessoas que moram no exterior, afinal de contas, economizar a grana do hotel sempre está em meus mais honestos planos)... eu repasso esse questionários para as pequenas meninas lésbicas leitoras deste blog de jesus.

É muito fácil participar, não precisa escrever uma única linha (Tiririca iria adorar)... só clicar.

A pessoa que demorou mais tempo fazendo levou exatos 30 segundos.

Regras:
1 - leia o texto abaixo
2 - clique no primeiro link e responda as 10 perguntas
3 - clique no segundo link e responda as não sei quantas perguntas
4 - espalhe
5 - me segue @calcinhasnobox

Beijos e obrigada pela força.

Olá!


O meu  nome é Carla Barbosa, eu sou de Belo Horizonte e atualmente moro no Canadá. Estou desenvolvendo uma pesquisa sobre o perfil da mulher homossexual no Brasil e gostaria muito de contar com a sua participação respondendo a 2 questionários e repassando para suas amigas. São questionários bastante simples e você provavelmente não gastará mais do que 2 minutos para responder cada um deles. É uma pesquisa voluntária na qual você não precisa se identificar a menos que queira. Caso você decida participar, siga as instruções abaixo.

Cada questionário consta de 10 perguntas e você terá acesso a eles clicando nos links abaixo. Após terminar o primeiro, volte aqui para clicar no link do segundo. Suas respostas ficarão em sigilo e nenhum outro participante terá acesso aos seus dados. Mesmo que você resolva se identificar, seu e-mail jamais será utilizado com outro propósito que não o de devolver o resultado da pesquisa a você e/ou convidá-la para futuras pesquisas. 

Agradeço imensamente por participar e divulgar. Saiba que sua resposta será valiosa para trabalhos em busca da diminuição de preconceitos e discriminação.

Um abraço,

Carla Barbosa


A VEZ DO CU PRETO.

Depois do sucesso do Clareamento Anal (clique aqui) a moda agora é CU preto.

Isso mesmo, cu bronzeado. afinal de contas estamos no verão né?


(dica da Renata J.)

segunda-feira, novembro 08, 2010

O CLÃ DAS DIVORCIADAS

Está em cartaz no teatro gazeta em São Paulo a peça O CLA DAS DIVORCIADAS, uma comédia super gostosa e leve... para morrer de rir. Eu já vi umas 3 vezes

a PROMOÇÃO te da 65% de desconto, ou seja, o ingresso sai por R$ 14,00...

AS REGRAS:

Regras

    • Sem limite de compra
    • Pode ser presenteado
    • Troca de cupom com pelo menos 1 hora de antecedência na bilheteria teatro
    • 250 lugares por apresentação
    • Válido para TODA SEXTA FEIRA ÀS 21h e DOMINGO ÀS 18h
    • Válido para um ingresso
    • Válido de 11/11/2010 até 21/11/2010
A PEÇA
Seu momento voyeur.
Expiar três mulheres olhando pelo buraco da fechadura é a sensação que você tem ao assistir O Clã das Divorciadas, uma comédia sobre o divórcio.
Lulu, Lola e Brigitte são três mulheres de classes sociais distintas, mas com um momento de vida em comum. Separadas de seus maridos, dividem o mesmo espaço, a intimidade e as emoções que a nova condição civil traz.
Lulu é uma perua cosmopolita que ficou dura com o fim do casamento e a saída para sobreviver foi dividir seu apartamento com a bela anglo-argentina Lola e a divertida interiorana Brigitte.
Juntas, elas vivem os dolorosos, porém, hilariantes tempos que chegam com seus divórcios e compartilham experiências cômicas de uma vida de solteira.
A peça foi originalmente escrita por Alil Vardar e adaptada por Clara Carvalho e a montagem da versão brasileira é dirigida por Alexandre Reinecke.
No elenco, Luiz Salem, Paula Cohen e Maíra Charken fazendo chorar de rir até os mais ressentidos com casamento e divórcio.
Não deixe de assistir O Clã das Divorciadas no Teatro Gazeta com 65% de desconto, de R$ 40 por R$ 14.
Depois de olhar a vida de Lula, Lola e Brigitte como se fosse pelo buraco da fechadura, você vai mudar sua visão do casamento e do divórcio.

 para comprar cliue no link: http://bit.ly/cVBxOP voce tem que comprar hoje ainda, pode pagar com cartão de crédito ou boleto bancário... é super seguro, eu vivo comprando coisas daí.

segunda-feira, novembro 01, 2010

O QUE NÃO TEM REMÉDIO, REMEDIADO ESTÁ.

O povo quis, então é o que tem pra hoje.

Agora é parar de #mimimi e torcer para que a Dilma faça um bom governo.